Moraes Moreira e Otto participam do último encontro de Sarau de Ideias

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 12 novembro, 2012 23:05

Moraes Moreira e Otto participam do último encontro de Sarau de Ideias

Articulando centro e periferia, popular e cultura pop, ritmos locais e rock-and-roll, o Mangue Beat foi uma das principais manifestações artísticas dos anos 1990. Qual a importância desse movimento para a nova MPB? Para responder a esta pergunta, na terça, 13 de novembro, às 18h30, o Centro Cultural Banco do Brasil reúne os músicos Moraes Moreira e Otto. O encontro é gratuito e a mediação é do também músico Charles Gavin.

Sarau de Idéias teve início em abril, com o objetivo de discutir alguns dos principais movimentos e manifestações culturais ocorridos no Brasil, a partir da Semana de Arte Moderna de 1922. Entre os artistas e intelectuais que participaram do projeto estão Amir Haddad, Antonio Cícero, Capinan, Chacal, Cid Campos, Ellen Oléria, Fausto Fawcett, Guinga, Jards Macalé, José Roberto Aguilar, Miúcha, Moraes Moreira, Otto, Tárik de Souza, Teresa Cristina e Thaíde.

Moraes Moreira é cantor, compositor e instrumentista. Gravou seus primeiros discos no início da década de 1970, com os Novos Baianos, entre eles o clássico Acabou Chorare, que está completando 40 anos. Em 1975, iniciou carreira solo, embalado pelo sucesso de Pombo Correio, composta em parceria com Dodô e Osmar — inventores do trio elétrico, do qual Moraes foi o primeiro cantor. Do início até hoje, gravou quarenta discos, com aproximadamente quinhentas músicas. Compôs sucessos como Lá Vem o Brasil Descendo a Ladeira, Forró do ABC e Preta Pretinha. Em 2009, lançou livro, CD e DVD A História dos Novos Baianos e Outros Versos. Seu segundo livro, Sonhos Elétricos, onde revela sua vivência com Dodô, Osmar e Armandinho, foi lançado este ano.

Cantor, compositor, multi-instrumentalista e produtor, Otto foi um dos principais nomes do Mangue Beat. Participou das bandas Mundo Livre S/A e da primeira formação da Nação Zumbi, de Chico Science. De lá pra cá, lançou cinco álbuns: Samba Pra Burro (1998), Condom Black (2001), Sem Gravidade (2004), Certas Manhãs Acordei de Sonhos Intranquilos (2009) e The Moon 1111 (2012), onde reafirma sua principal vocação: misturar gêneros musicais, que vão dos mais globais, como o Rock e o Rap, aos tipicamente regionais, como o Maracatu e o Frevo.

O debate Mangue Beat, que será realizado no Teatro I, terá duração de duas horas e as senhas para o evento podem ser retiradas na bilheteria uma hora antes do início. O CCBB fica na Rua Primeiro de Março 66, Centro, tel.: (21) 3808-2020. Outras informações podem ser obtidas no site www.bb.com.br/cultura

SERVIÇO
Evento: Sarau de Idéias – Da Semana de 22 ao Mangue Beat
Patrocínio: Banco do Brasil
Realização: Centro Cultural Banco do Brasil
Idealização/Curadoria: Beatriz Carolina Gonçalves
Debate: Mangue Beat
Data: 13.11.2012 – Terça-feira
Horário: 18h30
Debatedores: Moraes Moreira e Otto
Mediação: Charles Gavin
Classificação indicativa: 12 anos
ENTRADA FRANCA – mediante retirada de senha, distribuída com uma hora de antecedência.

*As informações são de responsabilidade de seus organizadores e estão sujeitas a alterações sem aviso prévio.

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 12 novembro, 2012 23:05


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

Angry Birds 2

Facebook

O Clube dos Canibais
Meu Nome é Daniel