Rádio Batuta lança documentário sobre Jorge Ben Jor

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 30 setembro, 2012 14:40

Rádio Batuta lança documentário sobre Jorge Ben Jor

Em comemoração aos seus dois anos, a Rádio Batuta, web rádio do Instituto Moreira Salles (www.ims.com.br/radiobatuta), lança no dia 4 de outubro o documentário Imbatível ao extremo: assim é Jorge Ben Jor. Com roteiro e direção de Paulo da Costa e Silva, o programa faz uma imersão no período inicial da obra de um dos artistas mais importantes da música brasileira, quando ele ainda era chamado de Jorge Ben.

Imbatível ao extremo é o primeiro trabalho de fôlego sobre o artista. Levou seis meses para ficar pronto e tem o objetivo de ser referência para todos que admiram a música popular brasileira e o trabalho de Jorge Ben Jor. Com pouco mais de quatro horas de duração, giram em torno dos seus dez capítulos temas centrais da música e da cultura popular brasileira: o futebol, a mestiçagem, a relação com a África, a Bossa Nova, a influência doblues e do rock´n roll, o imaginário – a incrível construção de personagens e cenas –, o transe libertário dos anos 1970. Tudo isso alinhavado por depoimentos dos músicos Gilberto Gil, Jorge Mautner e Caetano Veloso, do historiador Frederico Coelho, do baixista Dadi Carvalho, dos produtores Armando Pittigliani e André Midani, do jornalista Tárik de Souza, do pesquisador Luiz Tatit, de Zico e de Alberto da Costa e Silva, africanista.

Já no começo do programa, Gilberto Gil diz que enxerga Jorge Ben como um verdadeiro estuário, capaz de articular musicalmente a África e as Américas. André Midani relata o dia em que Eric Clapton parou de tocar guitarra para ver Jorge Ben e Gil tocando violão, embrião do histórico disco que os dois fizeram juntos. Frederico Coelho ressalta que Ben foi o primeiro a injetar na corrente sanguínea da música brasileira uma imagem positiva dos negros brasileiros e com isso, de certo modo, possibilitou o discurso racial dos Racionais MC´s e dos rappers da periferia paulista. Tárik de Souza questiona a misteriosa alquimia sonora de Jorge Ben e a força de seu imaginário, definindo-o como “um psicodélico sem a psicodelia, sem o LSD”. Luiz Tatit comenta sobre a relação de Jorge Ben com o futebol, comparando seu inusitado jeito de compor com um jogador que bate de primeira na bola. Zico lembra o dia em que, depois de ver o Galinho de Quintino fazer quatro gols pelo Flamengo contra o Fluminense, Jorge entrou no vestiário do Maracanã cantando a música que acabara de fazer em sua homenagem, minutos antes, na arquibancada do estádio. Já Caetano Veloso vê em Jorge Ben um captador “quase inigualável” de sentimentos profundos do Brasil. “Jorge Ben é o profeta do funk carioca”, diz o baiano, “estava acontecendo através dele um movimento real de classe”.

Imbatível ao extremo: assim é Jorge Ben Jor é o terceiro documentário produzido pela Rádio Batuta, que no ano passado realizou Tim tim por tim tim: a música de João Gilberto e em 2010 Sabiás, pardocas e feitiçarias – um documentário sobre Noel Rosa, ambos aclamado pela crítica especializada.

Sobre a Rádio Batuta

Criada pelo Instituto Moreira Salles em agosto de 2010, a Rádio Batuta (www.ims.com.br/radiobatuta) tem programação diversificada – com documentários, entrevistas, aulas-show –, com o objetivo de explorar de modo crítico e sistemático e tornar o mais público possível o vasto acervo (com mais de 100 mil músicas) de canções populares do IMS. Mas a música não é o único universo estudado pela web rádio. O ouvinte pode ter acesso às gravações de cursos, palestras, conferências de arte e pensamento, atividades promovidas pelo IMS que circulam por todas as áreas em que a instituição atua: literatura, fotografia, artes visuais e música.

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 30 setembro, 2012 14:40


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

Dora e a Cidade Perdida

Facebook

Reino Gelado e a terra dos espelhos