Já estão abertas as inscrições para o 2º Prêmio Cazuza de Video

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 23 junho, 2012 09:02

Já estão abertas as inscrições para o 2º Prêmio Cazuza de Video

Após a grande adesão ao concurso que elegeu o melhor vídeo sobre prevenção da Aids, no carnaval de 2012, a Sociedade Viva Cazuza, com o apoio da UNAIDS e do Programa Nacional de DST/Aids e Hepatites Virais do Ministério da Saúde, lança a segunda edição do Prêmio Cazuza de Vídeo, em 20 de junho. A iniciativa tem como objetivo mobilizar e conscientizar a população jovem sobre a importância dos cuidados de prevenção contra o vírus HIV. Afinal, segundo o Boletim Epidemiológico do Ministério da Saúde, jovens entre 15 e 25 anos são os que correm mais risco de contágio.

“Nós lançamos o primeiro Prêmio em dezembro de 2011. Mesmo sendo uma época tumultuada, de final de ano, o resultado foi muito além do que esperávamos. A qualidade dos trabalhos surpreendeu a todos. Por essa razão estamos organizando e lançando o 2º Prêmio Cazuza de Vídeos em outra data, com um calendário maior”, entusiasma-se Lucinha Araújo, responsável pela Sociedade Viva Cazuza.

O Prêmio Cazuza de Vídeo oferece a oportunidade para jovens mostrarem seu talento e pretende fazer com que o assunto sobre a prevenção da doença seja pensado e discutido por esse público, através de uma linguagem moderna e eficiente.

Pessoas até 30 anos de idade, de qualquer lugar no Brasil, poderão participar do concurso enviando vídeos feitos com celular, máquina fotográfica ou filmadora, através do site http://premio.cazuza.com.br, de 20 de junho a 20 de outubro. A inscrição é gratuita.Um júri formado por Sandra Werneck (cineasta), Paula Lavigne (produtora de cinema), Pedro Chequer (diretor da UNAIDS no Brasil) e Nizan Guanaes (publicitário) entre outros irá escolher os vencedores.

Os três finalistas ganharão um notebook cada um e a campanha vencedora receberá finalização profissional para ser veiculada na TV Globo e Multishow de 25 de novembro até o dia 01 de dezembro.

Sobre a Sociedade Viva Cazuza

Apenas três meses após a morte do cantor Cazuza, em 1990, nascia a Sociedade Viva Cazuza, fundada por Lucinha Araújo, mãe do cantor, que até hoje preside a ONG. Atualmente, a Viva Cazuza mantém dois importantes projetos: uma “Casa de Apoio” que abriga 20 crianças e jovens soropositivos (de 4 a 17 anos), a maioria deles órfãos; e um “Projeto de Adesão ao Tratamento da Aids”, em parceria com o Hospital da Lagoa, o Hospital do IASERJ e o PAM 13 de Maio, que contempla hoje 140 pacientes de todas as idades, que se encontram em tratamento.

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 23 junho, 2012 09:02


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

Aprendiz de Espiã

Facebook