Centro Cultural Banco do Brasil realiza ciclo de debates do projeto Idéias Online

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 22 maio, 2012 16:24

Centro Cultural Banco do Brasil realiza ciclo de debates do projeto Idéias Online

No dia 29 de maio, às 19h30, o Centro Cultural Banco do Brasil realiza o segundo debate do programa Ideias Online – Arte Contemporânea e Cultura Digital, que tem como tema Música na Rede e vai reunir o produtor musical Daniel Ganjaman e a cantora Tulipa Ruiz. Com mediação do jornalista e escritor Xico Sá, o debate será transmitido pelo tuíter @CCBB_SP e o registro em vídeo do encontro será disponibilizado no site do projeto: www.ideiasonlineccbbsp.com.br

Ideias Online tem por objetivo refletir sobre a relação entre arte contemporânea e cultura digital, em encontros mensais que acontecem até o mês de dezembro. Participam dos debates do ciclo Bruna Lombardi, Caco Ciocler, Claudia Jaguaribe, Fábio Moon, Fabrício Carpinejar, Gabriel Bá, Grace Gianoukas, João Miguel, Joca Reiners TerronLaerte, Lenise Pinheiro, Luiz Duva, Luiz Fernando Ramos, Marcio Ballas, Marina Person.

Daniel Ganjaman é músico e produtor musical. Em 2001, com Rica Amabis e Tejo, forma o núcleo de produção musical Instituto e lança o disco Coleção Nacional, com participação de Otto, Nação Zumbi, Sabotage, entre outros. Lança a trilha sonora do longa O Invasor, de Beto Brant, e produz para grupos como Racionais MC’s e Nação Zumbi. Participa de vários festivais, no Brasil e exterior, e firma-se no mercado europeu com o disco Coleção Nacional. Faz turnês pela Itália, França, Escócia e Inglaterra, dividindo o palco com Seu Jorge, Gilles Peterson, Mark de Clive-Lowe, Dynamite MC. Produz o DVD-CD de tributo a Bezerra da Silva, com participações de Marcelo D2, Elza Soares, Beth Carvalho, Pedro Luís e A Parede, Otto, Leci Brandão, Luis Melodia. Assina trilhas para a mini-série Cidade dos Homens (Globo), Alice (HBO) e para vários os longas, como Seja o que Deus Quiser, de Murilo Salles, e Cão Sem Dono, de Beto Brant. Em 2011, lança o álbum Alegria Compartilhada, da banda carioca For Fun, e Nó na Orelha, do cantor e compositor paulistano Criolo. Ambos tiveram lançamento digital e alcançaram juntos a marca de 250 mil downloads em uma semana.

Tulipa Ruiz é cantora, compositora e desenhista. Fez sua estréia no projeto Prata da Casa, do SESC Pompéia, em 2009. Seu primeiro disco Efêmera recebeu o prêmio do Júri Multishow 2011 e foi considerado Melhor Álbum de 2010, pela revista Rolling Stones, um dos melhores da década pela Folha de S. Paulo e um dos melhores álbuns de 2011, pelo jornal inglês The Independent. No ano passado, fez cinco turnês internacionais, apresentando-se em Paris, Copenhagen, Lisboa, Espinho e Londres.

Xico Sá é jornalista e escritor. Colunista da Folha, faz parte da equipe do programa Saia Justa (GNT). Publicou, entre outros, os seguintes livros: Chabadabadá – Aventuras do Macho Perdido e da Fêmea que se Acha, Modos de Macho & Modinhas de Fêmea, Divina Comédia da Fama, Catecismo de Devoções, Intimidades & Pornografias e Se um Cão Vadio aos Pés de uma Mulher-Abismo. Tem parcerias musicais com a turma do Mangue Beat e fez parte da equipe de roteiristas do longa Deserto Feliz (2007), vencedor dos festivais de Gramado (2007) e de Guadalajara (México, 2008).

As senhas para o debate Música na Rede devem ser retiradas com uma hora de antecedência, na bilheteria. O CCBB fica na Rua Álvares Penteado 112, tels.: 3113-3651 ou 3113-3652. Estacionamento conveniado: Estapar Estacionamentos (Rua da Consolação 228, Edifícos Zarvos) R$ 15,00 pelo período de 5 horas. Necessário carimbar o ticket na bilheteria do CCBB.

PROGRAMAÇÃO COMPLETA DO CICLO
Mediação dos Debates: XICO SÁ

26 JUNHO

LÍNGUA E REINVENÇÃO
Poetas e escritores atuantes nas redes sociais e movimentos como o Portunhol Selvagem, que se inspira na fala dos habitantes da fronteira do Brasil com o Paraguai, estão dinamizando a língua portuguesa, com muita criatividade e humor. De que forma essas manifestações contribuem para a inclusão literária?
Fabrício Carpinejar e Joca Reiners Terron 

31 JULHO

HQS: TALENTO E CRIATIVIDADE
Os quadrinhos made in Brazil estão ganhando o mundo e alguns dos prêmios mais importantes da área. Quais os elementos que pontuam a criação dos novos quadrinistas brasileiros? De que forma os grandes talentos dos quadrinhos nacionais ajudaram a abrir espaço para as novas gerações?
Fábio MoonGabriel Bá Laerte

28 AGOSTO

A CENA TEATRAL CONTEMPORÂNEA
Teatralidade fragmentada, mixagem de linguagens (dança, artes plásticas, vídeo), dramaturgia pós-dramática a serviço do antiespetáculo. O que há de inovador na cena teatral contemporânea? Quem são os artistas e grupos que vêm desenvolvendo uma linguagem inovadora nos palcos brasileiros?
Caco Ciocler Luiz Fernando Ramos

25 SETEMBRO

FICÇÃO E EXPERIMENTAÇÃO NA TELA
Os Cavalos de Goethe, de Artur Omar, Ex-Isto, de Cao Guimarães, e Os Residentes, de Tiago Mata Machado, provam que nem só de comédias românticas vive o cinema nacional. Como os cineastas estão conjugando ficção e experimentação? Qual a contribuição das linguagens experimentais para o cinema de entretenimento?
Bruna Lombardi João Miguel 

30 OUTUBRO

HUMOR E IMPROVISO
O teatro de improviso paulistano é sucesso indiscutível junto ao público jovem, seja ao vivo ou na rede. O que esse tipo de teatro deve aos grandes humoristas brasileiros e à comédia  stand-up? Como são criados os esquetes e qual a importância da platéia no jogo teatral?
Grace Gianoukas e Marcio Ballas

27 NOVEMBRO

FOTOGRAFIA NA ERA DO INSTAGRAM
Livre dos equipamentos pesados e caros, a fotografia está hoje ao alcance de todos aqueles que tenham uma idéia na cabeça e um celular na mão. O futuro dessa arte está no iPhone10, como afirmam alguns fotógrafos conceituados? De que forma a convergência das tecnologias e meios vem transformando a fotografia?
Claudia Jaguaribe e Lenise Pinheiro

11 DEZEMBRO

ARTE EM TEMPO REAL
A execução ao vivo de imagens, sons e dados, como no Live Cinema, é um dos caminhos que a arte performática está trilhando. Na medida em que propõe à platéia uma experiência compartilhada e única, a arte em tempo real pode ser vista como uma forma de resistência à cultura do entretenimento?
Luiz Duva e Marina Person

SERVIÇO
Evento: Ideias Online – Arte Contemporânea e Cultura Digital
Patrocínio: Banco do Brasil
Realização: Centro Cultural Banco do Brasil
Idealização/Curadoria: Beatriz Carolina Gonçalves

Debate: Música na Rede
Data: 29.05.2012 – Terça-feira
Horário: 19h30
Debatedores: Daniel Ganjaman e Tulipa Ruiz
Mediação: Xico Sá
Local: Teatro (130 lugares)

Classificação indicativa: 12 anos
ENTRADA FRANCA – mediante retirada de senha, distribuída com uma hora de antecedência. 

Centro Cultural Banco do Brasil
Endereço: Rua Álvares Penteado, 112 – Centro – São Paulo (próximo às estações Sé e São Bento do Metrô)
Informações: (11) 3113-3651 / 3113-3652
bb.com.br/cultura

*As informações são de responsabilidade de seus organizadores e estão sujeitas a alterações sem aviso prévio.

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 22 maio, 2012 16:24


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

Angry Birds 2

Facebook

O Clube dos Canibais
Meu Nome é Daniel