Lenine estreia a turnê “Chão” no Teatro Bradesco

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 18 maio, 2012 09:35

Lenine estreia a turnê “Chão” no Teatro Bradesco

Apontado pela crítica como ousado e conceitual, o disco Chão, de Lenine, chegou aos palcos e estreia em São Paulo no dia 5 de junho, terça-feira, no Teatro Bradesco. A turnê homônima, que já passou por alguns estados brasileiros além de Chile, Uruguai e Argentina, continua pelo restante do país e segue para a Europa entre 2012 e 2013.

Com direção musical do próprio Lenine, em parceria com Bruno Giorgi e JR Tostoi, o show tem em cena os três num espaço repleto de instrumentos e equipamentos eletrônicos responsáveis por reproduzir os ruídos orgânicos que permeiam nove das dez faixas do disco, como “Chão” (Lenine / Lula Queiroga), “Envergo mas não quebro” e “Isso é só o começo” (Lenine/Carlos Rennó).

Juntos, Lenine, Bruno e JR Tostoi ainda têm a incumbência de transpor os sucessos do compositor – indispensáveis – para essa nova atmosfera. “Jack Soul Brasileiro”, “Leão do Norte” (Lenine/Paulo César Pinheiro) e Paciência (Lenine/Dudu Falcão) são alguns deles.

Paulo Pederneiras, diretor de arte do espetáculo, criou um cenário em tons vermelhos, que ocupa apenas o chão da caixa cênica, em contraste com o entorno totalmente negro.  Três lâmpadas simples, uma sobre cada um dos músicos, compõem a cena. À equipe de Paulo somam-se Fernando Maculan e Gabriel Pederneiras.

Para Lenine, levar Chão ao palco é mais do que simplesmente tocar as canções do álbum. A ideia é ambientar o espaço com os sons como o canto do canário belga Frederico VI, o ruído ensurdecedor das cigarras no verão da Urca, a agonia da derrubada de uma árvore por uma motosserra, entre outros.

Chão, produzido e tocado por Bruno Giorgi, JR Tostoi e por Lenine, é o décimo álbum de carreira do cantor e compositor. Numa evidente opção estética – instigada pelo canto de um pássaro, que invadiu a gravação de uma das faixas – o trabalho revela-se “eletrônico, orgânico e concreto”, com dez músicas inéditas, imersas na delicada intimidade de ruídos sem edição.

“No início, havia apenas a palavra e meu principal significado de chão: tudo aquilo que me sustenta. Chão, quase onomatopeia do andar – que soa nasal, reverbera no corpo todo. É pessoal, passional e intransferível” – conta Lenine, explicando como surgiu a inspiração para o nome do disco e, consequentemente, da turnê.

SERVIÇO
LENINE na turnê “Chão”
Data: 05 de junho, às 21h
Duração: 1h 15min
Classificação: 12 anos
Teatro Bradesco – www.teatrobradesco.com.br
Local: Piso Perdizes do Bourbon Shopping São Paulo – Rua Turiassú, 2100, 3º piso, Pompéia
Realização: Mameluco Produções

INGRESSOS

Setor

Valor

Frisa 3º andar (1ª fila)

R$ 30,00

Frisa 2º andar (2ª fila)

R$ 70,00

Balcão Nobre

R$ 70,00

Frisa 2º andar (1ª fila)

R$ 80,00

Frisa 1º andar

R$ 90,00

Plateia (filas O a W)

R$ 100,00

Plateia (filas A a N)

R$ 120,00

Camarote

R$ 120,00

*As informações são de responsabilidade de seus organizadores e estão sujeitas a alterações sem aviso prévio.

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 18 maio, 2012 09:35


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

Angry Birds 2

Facebook

O Clube dos Canibais
Meu Nome é Daniel