Escola de Dança do Cefar apresenta o ballet de repertório clássico “A Flauta Mágica” dias 2 e 3 de maio no Grande Teatro do Sesc Palladium

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 26 abril, 2012 19:27

Escola de Dança do Cefar apresenta o ballet de repertório clássico “A Flauta Mágica” dias 2 e 3 de maio no Grande Teatro do Sesc Palladium

O curso de Dança do Centro de Formação Artística da Fundação Clóvis Salgado (Cefar) reapresenta nos próximos dias 2 e 3 de maio, às 20h, no Grande Teatro do Sesc Palladium, o ballet de repertório clássico “A Flauta Mágica”.

Com libreto e coreografia de Lev Ivanov e música de Richard Drigo, a montagem é fruto de uma parceria da Fundação Clóvis Salgado com a Cia. Brasileira de Ballet do Rio de Janeiro, e, após o sucesso de público nas apresentações em dezembro do ano passado, vistas por mais de quatro mil pessoas, traz mais uma vez à Belo Horizonte a adaptação da peça apresentada pela Cia. em novembro de 2010.

Consultor do Curso de Dança do Cefar há dois anos, o diretor da Cia. Brasileira de Ballet do Rio de Janeiro, Jorge Texeira, assina a adaptação ao lado da professora técnica de repertório do Cefar, Juliana Couto. No palco estarão 130 alunos, do nível básico ao profissionalizante, entre 08 e 25 anos.

Apresentado pela primeira vez no pequeno Teatro da Escola Imperial de Bailados, em São Petesburgo, em 1893, “A Flauta Mágica” conta a história de amor do camponês Luc, e de Lise, filha de um fazendeiro, em uma aldeia francesa durante o reinado de Luis XV. Trata-se de uma versão diferente da célebre ópera de Mozart. A primeira de todas as versões (anterior a de Ivanov) foi coreografada pelo metteur-en-scène Fortunato Bernardelli, estreando com o nome de A Flauta Mágica” ou Os dançarinos involuntários”.

No papel dos protagonistas Luc e Lise estarão os bailarinos convidados Gustavo Carvalho, de 16 anos, primeiro bailarino da Cia Brasileira de Ballet, e Francielle Gomes, bailarina formada pelo Cefar em 2011 e atualmente se especializando na Cia. Brasileira de Ballet. A montagem conta, ainda, com a participação de bailarinos do Ballet Jovem Palácio das Artes.

Cenários e figurinos foram trazidos da montagem da Cia. Brasileira de Ballet do Rio de Janeiro, com adaptação e orientação do professor do Cefar, William Rausch.

Para a coordenadora do curso de Dança do Cefar, Priscila Fiorini, a parceria com o SESC representa mais um momento de desafio, crescimento e aperfeiçoamento técnico e artístico para os alunos da instituição. “Os alunos terão nas apresentações novas experiências de palco, de atuação e de público, fatores importantes para a formação de um bailarino”, afirma. E completa: “a oportunidade de levarmos a outros palcos as produções realizadas pelo Cefar amplia, potencializa e diversifica o trabalho de todos”.

Os ingressos para as apresentações custam R$10 (inteira) e R$5 (meia)  e serão vendidos na bilheteria do SESC Palladium, pelo site Ingresso.com e pelo telefone 4003-2330.

Sinopse

Numa aldeia francesa, durante o reinado do Rei XV, agricultores comemoram a safra da maçã. Luc, um jovem camponês, e Lise, a filha do fazendeiro, se amam. Satisfeitos com o serviço terminado pelos lavradores, todos dançam! O Marquês chega à aldeia em busca de uma noiva. Porém, encanta-se por Lise, a amada de Luc.

Um velho eremita aparece na aldeia. Luc recebe deste senhor uma flauta de presente na qual estão gravadas as palavras: “Quando me tocares, todos serão obrigados a dançar e isso te trará boa sorte!”. Luc toca a flauta. A melodia atrai Lise e os dois dançam apaixonados. A mãe da moça, nervosa, conta ao seu marido e ao Marquês a cena que acabou de presenciar. Todos se revoltam e partem para cima de Luc. Ele toca novamente sua flauta e todos são obrigados a dançar. Luc é preso acusado de feitiçaria e posteriormente condenado a forca pelo Juiz.

O velho eremita se revela Oberon (Deus sublime que inspira fortes amores). Ele salva Luc e abençoa o casal apaixonado.

Centro de Formação Artística da Fundação Clóvis Salgado (Cefar)

Sediado no Palácio das Artes, o Cefar é constituído por escolas de dança, teatro e música, sendo referência em Minas Gerais no desenvolvimento artístico de jovens talentos e profissionais. Além dos cursos regulares, oferece oficinas e cursos livres destinados à capacitação, qualificação, aperfeiçoamento e atualização de profissionais da arte e da cultura.
Desenvolve, ainda, projetos de fomento aos jovens artistas, como a Big Band Palácio das Artes, o Grupo de Choro Palácio das Artes, o Ballet Jovem Palácio das Artes e o Coral Infantojuvenil Palácio das Artes, que possuem uma agenda permanente de apresentação ao público.

SERVIÇO
“A flauta mágica”
Reapresentação do espetáculo anual da Escola de Dança do CEFAR
Data: 2 e 3 de maio
Horário: 20h
Classificação indicativa: Livre
Duração: 80 minutos
Local: Grande Teatro do Sesc Palladium
Endereço: Rua Rio de Janeiro, 1.046 – Centro
Ingressos: R$10 (inteira) e R$5 (meia, conforme a lei)
Informações para o público: (31) 3236-7400

*As informações são de responsabilidade de seus organizadores e estão sujeitas a alterações sem aviso prévio.

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 26 abril, 2012 19:27


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

Era uma vez em Hollywood

Facebook

Socorro Virei uma Garota!