MIS recebe o encontro Moedas Criativas – fronteiras do valor na iconomia

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 24 abril, 2012 17:25

MIS recebe o encontro Moedas Criativas – fronteiras do valor na iconomia

Durante o feriado prolongado do Dia do Trabalho, o MIS, instituição da Secretaria de Estado da Cultura, recebe o encontro Moedas Criativas – fronteiras do valor na iconomia. O projeto gira em torno o conceito de “iconomia” (a conexão entre novas mídias, cultura e economia) e terá, entre os dias 29 de abril e 1º de maio, uma série de atividades gratuitas, como palestras, debates e oficinas.

Idealizado por Gilson Schwartz, professor da Escola de Comunicação e Artes (ECA) da USP e líder dos grupo de pesquisa da “Cidade do Conhecimento”, Moedas Criativas conta com participações de Marcelo Tas, Eugênio Bucci, Zilda Iokoi, Julio Lucchesi Moraes, Guilherme Ari Plonski, Heloisa Primavera e outros especialistas em arte e cultura, economia e finanças, engenharia eletrônica e direitos humanos.

De acordo com Schwartz, o objetivo do debate entre especialistas no assunto e o público em geral é “estimular novos modos de usar, compartilhar, distribuir e organizar a produção de riquezas, tanto materiais como imateriais”.

Durante os três dias, acontecem oficinas do Games for Change, sobre games desenvolvidos para uso na educação e em redes sociais (manhã e tarde). Todas as atividades acontecem no Auditório MIS (173 lugares) e são gratuitas – é preciso retirar o ingresso com 1h de antecedência. Confira, a seguir, a programação completa do evento, dividida entre os temas “Pensar”, “Fazer” e “Brincar”:

29.04 – “Pensar”

  • 9h30 – Abertura Solene e Capoeira com o Toque do Mestre Alcides (CEACA, USP)
  • 10h – Moeda, cultura e tecnologia: da Pipa ao Rio de Janeiro – História e perspectivas do projeto “Moedas Criativas” na Cidade do Conhecimento. Com Gilson Schwartz, CTR-ECA, Cidade do Conhecimento, Iconomia e PGT (USP); Heloisa Primavera, Universidade de Buenos Aires; Guilherme Ary Plonski, PGT, FEA, POLI e Cidade do Conhecimento (USP) – Moderação: Fabio Nunes, Mestrando, Programa de Pós-Graduação em Meios e Processos Audiovisuais, Escola de Comunicações e Artes (USP);
  • 15h – Mundos e Fundos: Games, Redes Virtuais e Fronteiras do Valor na Iconomia – Teorias, antropologias e filosofias da criação de valor, do dinheiro e da riquezaCom Júlio Moraes Lucchesi, Grupo de Pesquisa Iconomia e Assistente Acadêmico da disciplina “Economia do Audiovisual Internacional” (EAI, CTR-ECA-USP), Doutorando na Faculdade de Filosofia, História e Ciências Humanas (FFLCH-USP)Diego Viana, Repórter do Jornal Valor Econômico; Leonardo Brant, Líder do projeto Empreendedores Criativos, criador do blog Cultura e Mercado; Jeremiah Spence, Journal of Virtual Worlds ResearchLuiz Sakuda, Escola Politécnica (USP) – Moderação: Francisco Tupy, Mestrando, Programa de Pós-Graduação em Meios e Processos Audiovisuais, Escola de Comunicações e Artes (USP);
  • 18h – Valor, Criatividade e Violência da Moeda: Educação, Mídia e Desenvolvimento –Práticas pedagógicas para superar as fronteiras entre a sala de aula e a escola da vida. Com Leny Magalhaes Mrech, Faculdade de Educação (USP); José Roberto Amazonas, Escola Politécnica (USP); Edison Spina, Escola Politécnica (USP); Márcia Ribeiro, Bibliotecária-Chefe, Universidade de Taubaté (UNITAU), Líder do projeto “LIGAÇÃO” (Literatura Infantojuvenil, Games e Artes em Ação); Maria Helena Morgani de Almeida, Curso de Terapia Ocupacional, Faculdade de Medicina (USP), Consultora do projeto “Terceira Idade” (REID-CNPq); Fernando Dias, CEO da Purebros – Moderação: Thais Barros, pesquisadora da Cidade do Conhecimento, Mestre em Ciências pela Escola de Comunicações e Artes (USP) e Consultora Pedagógica da rede “Conflitos Globais” e da pesquisa “TIC – Educação” (CETIC.br).

30.04– “Fazer”

  • 10h – Moeda, tecnologia e democracia: fronteiras entre economia solidária e cultura – Casos, relatos e perspectivas tecnológicas da inovação monetária sustentável. Com Gilson Schwartz, CTR-ECA, Cidade do Conhecimento, Iconomia e PGT (USP)Heloisa Primavera, Universidade de Buenos Aires; Guilherme Ary Plonski, PGT, FEA, POLI e Cidade do Conhecimento (USP); Ana Laura Castro, It´s Noon; Jacqui Dunne, Autora com Bernard Lietaer de Rethinking Money: How New Currencies turn Scarcity into Prosperity (Berrett-Koehler, São Francisco, 2013),founder e CEO da rede “Entrepreneurs without Borders” – Moderação: Sônia Paschoal, Doutoranda, Programa de Pós-Graduação em Meios e Processos Audiovisuais, Escola de Comunicações e Artes (USP)
  • 15h – Fronteiras Digitais do Estado de Direito: Agendas, Políticas e Garantias na Crise – Ameaças e desafios em programas das áreas social, educacional, cultural e ambiental. Com André Barbosa, Superintendente de Suporte, Empresa Brasileira de Comunicação; Zilda Iokoi, Coordenadora do Programa de Pós-Graduação e Núcleo de Pesquisa sobre Diversidade, Intolerâncias e Conflitos – DIVERSITAS da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas – FFLCH (USP); Maristela Basso, Faculdade de Direito (USP); Juliana Toledo, Coelho e Morello Advogados; Estebán Clua, Presidente da SBGames; Eduardo Fagnani, Instituto de Economia (UNICAMP) – Moderação: Vitor Blotta, Doutor pela Faculdade de Direito da USP, pesquisador do Núcleo de Estudos da Violência e da Cidade do Conhecimento (USP)
  • 18 horas – A Criação Monetária e a Origem da Tragédia – Passagens entre pensar/ fazer e fantasiar/brincar na gênese dos valores e da moral. Oficina de dramaturgia e música para criação coletiva da obra teatral aberta “Acropolis”, uma ópera rock futurista com a mediação do Laboratorio de arte e cidadania ativa (L’ArCA) e coordenação de Vitor Blotta e Fabricio Bonni.
  • 20 horas – Encerramento do Segundo Dia – Relatores do Fazer

1º.05 – “Brincar”

  • 10h às 12h – Dia do Trabalhador Criativo– Lançamento do FMI – Fundo de Moedas Imaginárias da i.co.no.m.i.a. Pitching de projetos e relatos de anjos de projetos na i.co.no.m.i.a – incubadora de conteúdos em novas mídias e infra-estrutura audiovisual, com a participação de Marcelo Tas, Jorge Forbes, Diego Viana, Gilson Schwartz, Heloisa Primavera, Guilherme Ary Plonski, Julio Moraes Lucchesi, Leonardo Brant, Reinaldo Pamponet e Fernando Dias. Participação Especial: Trio Tamoyo.
  • Bispo de Taubaté: universo de mágicas e quebra-cabeças eternos, no hall de entrada do MIS.
SERVIÇO
Moedas Criativas – fronteiras do valor na iconomia
Data:
29.04 a 1º.05
Local:
Auditório MIS (173 lugares)
Retirada de ingressos com 1h de antecedência
Grátis

Museu da Imagem e do Som – MIS
Avenida Europa, 158, Jardim Europa, São Paulo | (11) 2117 4777 | www.mis-sp.org.br
Estacionamento conveniado: R$ 8 (até as 18hs, por período de até 6 horas); R$ 15 (período superior a 6 horas e após as 18hs). Acesso e elevador para cadeirantes. Ar condicionado.

*As informações são de responsabilidade de seus organizadores e estão sujeitas a alterações sem aviso prévio.

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 24 abril, 2012 17:25


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

A Espiã Vermelha

Facebook

Kardec