Mônica Salmaso traz ao Espaço Cultural Furnas o show do ábum Alma Lírica

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 11 março, 2012 10:01

Mônica Salmaso traz ao Espaço Cultural Furnas o show do ábum Alma Lírica

Um passeio pelo cancioneiro popular, num garimpo de canções de sonoridade delicada, quase camerística. É assim o projeto mais recente da paulista Mônica Salmaso, o álbum Alma Lírica Brasileira (Biscoito Fino), que ela mostra no Rio de janeiro em dois shows, gratuitos, nos dias 10 e 11 de março (sábado e domingo) no Espaço Cultural Eletrobrás Furnas.  Ao lado dela, estarão dois respeitados instrumentistas da música paulista: o pianista e maestro Nelson Ayres e o flautista e saxofonista Teco Cardoso.

 

Segundo Mônica, o projeto surgiu espontaneamente, depois de uma temporada de shows. “Estávamos saindo do projeto Noites de Gala, Samba na Rua, dedicado à obra de Chico Buarque, quando veio um convite para um show com formação reduzida. Eu e o Teco pensamos em convidar o Nelson e fazer este trio. Logo no primeiro ensaio, ao invés de adaptarmos os arranjos do repertório que estávamos fazendo, novas músicas começaram a aparecer, resultado deste encontro. Ao final de um ano com este trio fazendo shows esporádicos, eu percebi que este trabalho resumia a expressão Alma Lírica Brasileira que eu sempre escutei sobre meu trabalho desde que comecei. Percebi que este show era o que eu queria dizer. Assim chegamos ao disco”, conta a cantora.

 

Com mais de uma década e meia de carreira, Salmaso é hoje uma das maiores cantoras de sua geração, no que diz respeito à afinação, técnica vocal e escolha de repertório. E este projeto com uma estrutura minimalista, só voz, piano, sopros e alguma percussão executada pela própria cantora – isto é, só três protagonistas a dar conta de um bordado que tece o encontro da música popular e erudita no Brasil – já desperta curiosidade. Mônica explora, de maneira própria e singular, temas populares e canções já conhecidas e com registros históricos de outros grandes intérpretes e lhes dá uma dinâmica pessoal e emocional próprias que fogem de qualquer comparação e lhes imprime um ar de novidade.

 

O repertório transita entre do erudito de Villa Lobos (Melodia Sentimental), ao samba dos Demônios da Garoa (Trem das Onze), passando por História de Lily Braun e Ciranda da Bailarina de Chico Buarque – a quem Mônica já dedicou um disco inteiro – e ainda Vinícius e Tom (Derradeira Primavera), Herivelto Martins (Meu Rádio e Meu Mulato), a valsa de J. Cascata e Leonel Azevedo (Lábios Que Beijei) e novidades de Nelson Aires(A Noite) e José Miguel Wisnik (Mortal Loucura).

 

::: Serviço :::

Show: Mônica Salmaso – Alma Lírica Brasileira

Local: Espaço Cultural Eletrobrás Furnas (Rua Real Grandeza, 219 – Botafogo – 2528-3657 / 2528-4334)

Datas: 10 e 11 de março (sábado e domingo)

Horários: sábado às 20hs e domingo às 19hs

Capacidade: 192 lugares

Classificação: livre

ENTRADA FRANCA

OBS:

Os ingressos serão distribuídos 1 hora antes dos espetáculos, na portaria da Rua Real Grandeza

Para acesso ao Espaço Cultural, é necessária a apresentação de documento com foto.

Facilidades para pessoas com deficiência: rampa na entrada da Rua Real Grandeza e elevadores para o auditório.

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 11 março, 2012 10:01


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

Era uma vez em Hollywood

Facebook

Socorro Virei uma Garota!