Margareth Menezes lança clipe da música Bonapá na web

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 15 fevereiro, 2012 13:19

Margareth Menezes lança clipe da música Bonapá na web

Às vésperas do Carnaval, a cantora Margareth Menezes divulga o novo clipe da música Bonapá, sua aposta musical para o verão baiano. O lançamento oficial aconteceu no domingo (12), na Concha Acústica do Teatro Castro Alves, durante o AfroPop Especial 25 Anos de Carreira. Agora, o clipe está disponível no canal da cantora no YouTube, no site e nas redes sociais.

 

O clipe foi gravado em dezembro, em um galpão industrial das proximidades de Salvador. As filmagens ainda contaram com as participações do ator e apresentador Jackson Costa, do DJ Ruy Santana, além das sambadeiras de São Brás. O set de gravação teve detalhes especiais, como o espelho d’água e as esculturas do artista plástico baiano Bel Borba. “Explorei as sensações que o som me causou. Foram elas que me deram o ponto de partida para criação do clipe. Estou sempre perseguindo desafios estéticos no meu trabalho e essa música foi mais que inspiradora”, conta Pico Garcez, diretor do clipe. Entre as referências cênicas, o grupo de bailarinos executa a Dança do Choque, uma performance advinda dos guetos e atualmente espalhada por toda América Latina. “O Choque iniciou com uma música do Panamá, estourou na Colômbia e Equador e hoje em dia é uma febre no Chile e Argentina”, diz Garcez.

 

A MÚSICA – Bonapá, nova canção de trabalho de Margareth Menezes, é uma composição de Carlinhos Brown, com arranjos e produção musical de Gerson Silva. O termo “Bonapá” é uma corruptela aportuguesada criada por Brown para a expressão francesa “Bon Appétit”, conhecida mundialmente e dita a quem está prestes a começar uma refeição. “Bonapá fala sobre encontros e de como nós, seres únicos e ímpares, só estamos completos em contato com o outro. É uma canção vibrante e bonita, um convite para sair do individualismo e viver a coletividade “, conta Margareth, que classifica a canção no estilo AfroPop. “Ela mistura tradição afro brasileira e linguagem pop, com uma pegada forte de percussão.”

 

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 15 fevereiro, 2012 13:19


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

Aprendiz de Espiã

Facebook