Trabalhos de diversos países estarão expostos na 6ª Bienal de Curitiba

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 17 outubro, 2011 23:32

Trabalhos de diversos países estarão expostos na 6ª Bienal de Curitiba

Desde o dia 18 de Setembro, a 6ª VentoSul – Bienal Internacional de Arte Contemporânea de Curitiba está movimentando a cidade com exposições de mais de 80 artistas, de 37 países diferentes, em cerca de 40 espaços.

 

O Museu Oscar Niemeyer (MON) é um dos principais locais de exposição e está recebendo obras de 29 artistas consagrados de diferentes locais do mundo como Cuba, Alemanha, Turquia, Finlândia, Itália, Brasil, entre outros.

 

Nomes como: Adonis Flores (Cuba), Adrian Lohmüller (Alemanha), Ali Kazma (Turquia), Alterazioni Video (Itália), Anti Laittinen (Finlândia), Boris Mikhailov (Ucrânia),  Camilo Restrepo (Colômbia), Danica Dakić (Bósnia), Darren Almond (Inglaterra), Desire Machine Collective (Índia), Dinh Q. Lê (Vietnã), Fernando Rosenbaum (Brasil), Fikret Atay (Turquia), George Osodi (Nigéria), Gutierrez Portefaix (França), Joanna Rajkowska (Polônia),  Josep-Maria Martín (Espanha), Kate Gilmore (EUA), Lin Yilin (China), Mark Lewis (Canadá),  Mark Formanek & Datenstrudel – Standard Time (Alemanha), Michel de Broin (Canadá), Neville D’Almeida (Brasil),  Olaf Nicolai (Alemanha), Patrick Hamilton (Bélgica), Paulo Climachauska (Brasil), Ricarda Roggan (Alemanha), Sebastián Preece (Chile) e Zhou Tao (China) mostram seus trabalhos no Museu Oscar Niemeyer.

 

A abertura oficial do evento foi realizada dia 17 de Setembro, no próprio MON e contou com a presença dos curadores e artistas.

 

Com o conceito curatorial “Além da Crise”, a 6ª Bienal de Curitiba apresenta, de 18 de setembro a 20 de novembro, aproximadamente 700 obras de arte dos cinco continentes, além de intervenções urbanas em locais de grande circulação de pessoas como praças e parques.

 

A programação geral da Bienal de Curitiba inclui ainda projeto educativo, palestras, mesas-redondas, cursos, oficinas, mostra de filmes, performances e interferências urbanas, ocupando os principais museus e centros culturais da cidade.

 

Para conferir a programação completa e os locais de exposições, basta acessar o site www.bienaldecuritiba.com.br.

 

BIENAL DE CURITIBA

 

A 6ª VentoSul  – Bienal Internacional de Arte Contemporânea de Curitiba é uma realização do Instituto Paranaense de Arte (IPAR) e da Lei de Incentivo à Cultura do Ministério da Cultura, com o patrocínio da Eletrobras, BNDES, Petrobras, Volvo, Correios, Compagas, Tiisa, Instituto Votorantim, co-patrocínio da Solumax e conta também com o apoio internacional do Goethe-Institut.

 

A 6ª Bienal de Curitiba acontece de 18 de setembro a 20 de novembro e irá reunir obras de mais de 70 artistas de países dos cinco continentes. A programação geral da Bienal de Curitiba já começou e inclui projeto educativo, palestras, mesas-redondas, cursos, oficinas, mostra de filmes, performances e interferências urbanas, ocupando os principais museus e centros culturais da cidade.

 

::: Serviço :::

6ª VentoSul – Bienal Internacional de Arte Contemporânea de Curitiba

Museu Oscar Niemeyer

Endereço: Marechal Hermes, 999 – Centro Cívico Curitiba-PR

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 17 outubro, 2011 23:32


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

Era uma vez em Hollywood

Facebook

Socorro Virei uma Garota!