A Companhia Teatro Adulto se inspira em Goethe para fazer “A Última Canção De Amor Desse Pequeno Universo”

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 13 outubro, 2011 17:52

A Companhia Teatro Adulto se inspira em Goethe para fazer “A Última Canção De Amor Desse Pequeno Universo”

A Cia. mineira Teatro Adulto tem uma trajetória de quinze anos na cena teatral e tem em seu currículo espetáculos elogiados, como o “Fala comigo como a chuva”, de Tennessee Williams, eleito o melhor do Fringe (no Festival de Curitiba) em 2009, em uma votação envolvendo mais de 300 peças. “A Morte de DJ em Paris”, adaptação do conto de Roberto Drummond, monólogo vencedor de seis prêmios nacionais, está há 12 anos em cartaz e acabou de integrar a programação de inauguração do SESC Palladium, em BH, Minas Gerais. Os atores do grupo participaram de outras montagens aqui na capital paulista, como em “Noites Brancas”, “Servidão” e “Amor e restos humanos”.

 

A trupe, nesse mês de outubro, encontra-se em São Paulo com o espetáculo “A Última Canção De Amor Desse Pequeno Universo”, direção e adaptação de Cynthia Paulino, em cartaz até 30 de outubro de 2011 no O Lugar (Rua Augusta, 325, Centro). Na peça, os personagens e suas relações são impregnados, saturados de solidão e amor, numa alternância constante entre o delírio e a realidade.

 

A temporada popular em São Paulo conta com o patrocínio da Usiminas, por meio da Lei Estadual de Incentivo à Cultura de Minas Gerais, que inclui a passagem por outras cidades, como as mineiras Itaúna, Ipatinga e Belo Horizonte.

 

Sinopse

 

A peça é uma livre adaptação da obra “Os sofrimentos do jovem Werther”, de Goethe e leva para a cena o personagem Werther, que mergulha em sua vida com intensidade ao se apaixonar por Carlota, que também ama Alberto. O público é levado a se imaginar num sonho que se repete continuamente, com memórias que não o deixam seguir em frente.

 

A Companhia Teatro Adulto

 

A Companhia Teatro Adulto, vem acumulando prêmios e elogios da crítica desde que surgiu em Belo Horizonte, em 1996. Ela foi responsável por oito produções teatrais de destaque e ganhou diversos prêmios nacionais, graças à abordagem que faz de universos recheados de personagens solitárias, catalizadoras dos meandros que revestem as relações humanas. Outra fonte de pesquisa do grupo tem relação direta com a restrição do espaço cênico como veículo para dilatar a essência da sua criação, valorizando os textos e as atuações colocados em cena.

 

Os integrantes e o grupo mineiro já fizeram rasantes pela cidade de São Paulo em anos anteriores. Cynthia Paulino, diretora deste atual espetáculo, protagonizou “Amor e restos humanos”, em 2002, que fez temporada no Teatro Sérgio Cardoso – e que também contava com o ator Rafael Neumayr no elenco. Cynthia, Rafael e Luiz Arthur já estiveram em cartaz no TUSP com o espetáculo “Servidão”, em 2007. Em 2007, o monólogo “A Morte de DJ em Paris” (protagonizado por Luiz Arthur e com direção de Walmir José), foi apresentado na sala experimental do Teatro Augusta.

 

A inspiração a partir de Goethe

 

O livro “Os sofrimentos do jovem Werther”, que inspirou o texto da peça, é considerado o responsável pelo estrelato literário europeu de Goethe, quando ele tinha apenas 25 anos. A obra revela conflitos atemporais, apesar de passados mais de 230 anos de seu lançamento. Com esta montagem, que estreou em junho de 2010em Belo Horizonte, a Companhia Teatro Adulto solidifica uma equipe de trabalho que compactua de um mesmo olhar cênico, artisticamente inquieto, além de brincar com funções no jogo teatral. Em cena, a peça traz os atores Cynthia Paulino, Rafael Neumayr, Paolo Mandatti, Alessandro Aued e Pedro Piazzi.

 

::: Serviço :::

Temporada: De 30 de setembro a 30 de outubro, sempre de sexta a domingo

Horário: Sextas e sábados, às 23h, e domingos, às 18h.

Local: Espaço Cênico O Lugar – Rua Augusta, 325, Consolação.

Telefone: 011 3237-3224

Ingressos: R$10,00 (inteira) e R$5,00 (meia-entrada).

Venda de ingressos uma hora antes de cada sessão.

Duração: 55min. Indicação etária: 12 anos.

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 13 outubro, 2011 17:52


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

Dora e a Cidade Perdida

Facebook

Reino Gelado e a terra dos espelhos